Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ritoca Bomboca

Ritoca Bomboca

20
Abr15

20 de Abril - A minha, a nossa Maria Capaz!

Hoje podia ser um dia triste, é dia 20 de Abril, e seria o dia de aniversário da minha avó Miquinhas! 
Podia ser um dia triste porque já não a temos cá, porque sentimos a falta dela, e que falta, porque a morte é uma grande treta! 
Mas eu não quero que seja um dia triste, eu não quero pensar só na falta que a minha avó me faz, nem no vazio que sentimos sempre que estamos juntos e eles não estão, porque tiraram-nos cruelmente essa presença.
Eu quero que seja um dia feliz, quero pensar que o céu está em festa. Quero pensar que também lhe dão os parabéns, aliás, acho que está em festa desde ontem porque o avô das minhas melhores amigas também lá está e ontem também fazia anos. Quero lembrar-me da minha avó por tudo de bom que ela significou na minha e na nossa vida. Na mulher forte, dura, guerreira que sempre foi.
Acho que Deus só dá grandes tarefas/cargas a quem sabe que as consegue suportar, mas também acho que Nos deu um grande privilégio, que foi ter uma avó como a minha. Não era das mais beijoqueiras ou piegas, mas era daquelas pessoas exemplo, e isso ninguém nos tira. Era íntegra, com carácter, não baixava os braços, trabalhadora, forte, as apelidadas mulheres de guerra. Se algum dia alguém me perguntar quem é a minha Maria Capaz, não poderia ser outra, a minha Maria Capaz, a Maria Capaz da minha vida é a minha avó Miquinhas. A mulher que criou nove filhos, que trabalhou desde sempre, a mulher que viu o filho emigrar depois dos 50 anos e proferia expressões como "a terra é para os homens", a mulher que perdeu o companheiro de uma vida por incompetência médica e nos dizia "não chores, é a lei da vida", a mulher que sempre se preocupou com todos, que mesmo que o dinheiro não abundasse não passava um Natal sem dar uma nota a cada um dos netos, a mulher bondosa, que permitia que as netas fumassem um cigarro, que me colocava a mão no joelho como forma de me dizer para eu não estar triste! Eu tive uma grande Maria Capaz, que me enche o peito de orgulho.
Por isso hoje só pode ser um dia bom! Parabéns, estrelinha mais brilhante!

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.