Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ritoca Bomboca

Ritoca Bomboca

30
Abr15

Amor, Amizade, Afectos....

Loving can hurt
Loving can hurt sometimes
But it's the only thing that I know
And when it gets hard
You know it can get hard sometimes
It is the only thing that makes us feel alive


São sem dúvida as coisas que levamos connosco, aquilo que nos move e nos faz viver!
Não é fácil, por vezes magoa e dói.
Ontem li que o amor é como as estações do ano, temos a Primavera com harmonia, temos o Verão com Paixão, o Outono com aqueles dias mais aborrecidos, e o Inverno que umas vezes pode ser mais outras menos rigoroso, sendo que temos de trabalhar nas outras estações para que o Inverno seja mais fácil de ultrapassar. Umas vezes é, outras não.
Temos de cuidar, de alimentar, de mimar, de perceber o que fazer para que o outro perceba que o amamos, mas não é sempre fácil. Muitas vezes simplesmente não temos vontade. Muitas vezes achamos que o que sentimos é tão grandioso que quase explodimos. Outras vezes pensamos que temos sorte em ter a outra pessoa na nossa vida, ou então tem dias em que é a outra pessoa que tem sorte em nos ter.
Mas o amor é bom, tem de ser bom, as fases boas têm de superar as más, porque se as más prevalecerem não vale a pena, temos de afastar e de saber quem nos faz mal. 
A amizade, para mim move montanhas, move tudo. Temos de dar tudo pelos amigos, e quando digo tudo, é tudo mesmo. Se só se lembram de nós quando precisam não são amigos.
São amigos e somos amigos quando procuramos, quando queremos o bem. E é bom ter um melhor amigo, mesmo que existam os outros, o melhor é o melhor. Eu tenho. E quero-lhe sempre bem. Quero sempre o melhor para ela. Temos de querer.  Há lá melhor sensação do que rir com vontade de uma parvoíce que o melhor amigo disse e que só nós entendemos?! Há lá melhor momento do que aquele em que és feliz com a tua melhor amiga, nem que seja a comer uma pizza e resmungar porque o ginásio não está a fazer efeito. Ou a correr como umas malucas no meio da estrada, de um lado para o outro, só porque a outra disse que hoje o treino é esse?!
Os afectos, os amores, as amizades, a família que amamos, e não amamos todos da mesma forma, são o melhor do nosso mundo. Muitas vezes temos a infelicidade de perder pessoas, porque alguém disse que era assim, uma valente merda. Mas por mais injusto que nos pareça, alguém também vai sentir o mesmo quando formos nós. Por mais injusto que seja, são os momentos que guardamos no coração. Não são os bens materiais, ou os presentes que a pessoa nos deu. São os momentos. 
Temos de cuidar mais dos nossos afectos, temos de procurar mais, de não arranjar desculpas. Porque os dias passam, e como passam. 
Se estiveres a ler este texto, faz uma coisa, não por mim, mas por ti, diz a alguém, à tua escolha, que o amas, ou adoras, ou que gostas muito dele. Porque amanhã podes não conseguir fazê-lo!