Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ritoca Bomboca

Ritoca Bomboca

03
Fev16

Pode-se brincar com tudo, menos com o coração!

A frase não é minha, é do Sr. José Jorge Letria.
E é uma das maiores verdades universais.
Brinquem com tudo, menos com o coração. 
Sejam os amores, sejam os amigos, basta serem afectos para terem esse poder.
E se é verdade que não morremos de amor, também é verdade que quando dói, dói mesmo, dói fundo, é tramado, duro, pensamos que não vamos conseguir ultrapassar e que nunca mais iremos confiar a alguém tamanho poder, o de entrar no nosso coração.
Todos temos feridas e cicatrizes que até o serem levaram longos dias.
A verdade é que com o passar do tempo confio menos, porque sei como dói e sei que não posso permitir que qualquer pessoa tenha esse poder. 
Ser mais emoção do que razão não ajuda.
Mas quem nunca foi traído por um amor?! Alguém em quem confiou a sua vida, alguém com quem partilhou sonhos e planos de futuro, e no final de tudo percebeu que afinal os sonhos eram só de um, os planos estavam só de um lado e nunca foram amados da forma que pensavam ser?!
Quem não tem um amigo, quem sabe até o maior de todos, em quem descontou mágoas, partilhou alegrias e no final de tudo é encostado como se de um desconhecido se tratasse?!
Quem não tem um familiar que pelas costas diz cobras e lagartos, e pela frente se finge de amigo, sem sonhar que nós sabemos de tudo?!
Há várias formas de brincarem com o nosso coração e a pior é sem sombra de dúvida quando é intencional. 
Vamos ter um bocadinho mais de cuidado quando a questão são os afectos. Afinal podem brincar com tudo, menos com o coração!


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.