Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Ritoca Bomboca

Ritoca Bomboca

23
Out15

Sobre o "amo-te"...

A propósito de uma foto que coloquei hoje no facebook do blog, a verdade é que, para mim, a melhor coisa de ouvir não é um "amo-te".
Nunca fui habituada a dizer amo-te, por isso, quando digo, parece que soa meio palerma, tornando-se mais fácil escrever.
Amo-te nem é uma palavra bonita, aliás, basta colocarem um M no início e fica uma porcaria. Parece o som que fazemos a comer uma bolacha. 
Eu prefiro mil vezes um "tenho saudades tuas", "fazes-me falta", "és o amor da minha vida", do que um "amo-te".
Aliás dependendo dos dias um "anda cá que eu não te aleijo" é a mesma coisa que um amo-te.
Soa melhor "i love you" do que "amo-te". Mas lá está, como soa melhor, é mais fácil de dizer, tornando-se numa coisa tão banal como batatas fritas de pacote.
Mais do que dizerem que me amam, eu prefiro que me mostrem.
E por isso, é que muitas vezes prefiro ouvir "bar aberto", "festa", "Macdonalds", "vinho tinto", do que um amo-te, que nem é assim tão bonito. Pelo menos para mim.